icone deJogos que a Nintendo ignorou na Europa

CRÓNICA


Jogos que a Nintendo ignorou na Europa

Por Ivan Lopes a


GERAL
6

6 Comentários...

#1 G.E.R.M.A.N.

1 de Fevereiro, 2015, 15:32

Se houver uma segunda edição têm de falar de Mother e Famitan :p
#2 Bernkastel

1 de Fevereiro, 2015, 15:32

Jogos que o saicu ignorou neste artigo:

- Famicom Tantei Club II: Ushiro ni Tatsu Shoujo
- Mother 3

Vai dormir, saicu.
#3 silver_ryder

1 de Fevereiro, 2015, 15:39

Gostei do artigo, agora "estilete", não seria melhor utilizar a denominação portuguesa de caneta?

@Bernkastel Presumo que seja um artigo "episódico"!?
#4 neveda

1 de Fevereiro, 2015, 15:54

A Nintendo Portugal usou o termo estilete durante algum tempo.
#5 Saikyou

1 de Fevereiro, 2015, 16:03

@Bernkastel a ideia era escolher 5 jogos de 5 plataformas distintas. Tentei escolher 5 jogos com algumas particularidades.

Famicom Wars -> Jogo que deu origem à série Advance Wars.
Kaeru no Tame ni Kane wa Naru -> Jogo que serviu de base para o Link's Awakening.
Marvelous: M?hitotsu no Takarajima -> O primeiro jogo do Eiji Aonuma como director e que lhe abriu as portas para a série Zelda.
Soma Bringer -> Mostrar que Monolith Soft não é só Xenoblade.
Takt of Magic -> Aqui era para ter colocado um jogo conhecido, mas deram me ideia de colocar este que muita gente desconhece.

Se o pessoal gostar posso futuramente colocar outros jogos porque certamente há muitos dos quais ficamos privados na Europa. E por falar em ignorar, risquei os jogos que foram lançados cá através da VC.
#6 One-Winged_Angel

13 de Fevereiro, 2015, 13:32

Ai o Mother 3, nem com o Tomato a oferecer a patch á Nintendo de graça e a disponibilizar-se para fazer os edits necessários. Also, Pokémon TCG2: Team Great Rocket também foi só jajão.

Queres comentar? Faz o teu registo aqui.