icone deVendas no Japão (07/09 - 13/09)

NOTÍCIA


Vendas no Japão (07/09 - 13/09)

Por Nuno Nêveda a


3DS
WII U
23

23 Comentários...

#1 Kensh

16 de Setembro, 2015, 14:31

Mario Maker a fazer mossa.
#2 Nosferatus

16 de Setembro, 2015, 17:11

A WiiU podia muito bem bater de frente em vendas se tivesse o mesmo fluxo constante de jogos a chegar... e ninguém ia-se queixar da diferença técnologica.

Infelizmente apenas vai sobrevivendo destes picos de venda.

Pelo menos o Splatoon continua potente, assim como o Mk8. O MArio Maker vai causar mossa a nivel mundial certamente.

138.000 no japão, + outro tanto provavelmente na Europa + outro tanto nos states, e estamos a falar de mais de meio milhão com digital incluido so na primeira semana.

Embora nos states talvez atinja numeros superiores e ai o resultado ate seja mais elevado.... vamos aguardar pelos valores. A Nintendo não deve tardar a mostra-los.
#3 Blair

16 de Setembro, 2015, 17:18

@Nosferatus segundo o Tech Radar, a PS4 tem uma vantagem considerável sobre a sua equivalente Xbox One de quase o dobro das vendas. Por isso não me parece que a Wii U pudesse bater de frente em vendas, especialmente porque é a própria diferença tecnológica a impedir o mesmo fluxo constante de jogos que as restantes.
#4 moguino

16 de Setembro, 2015, 17:23

Que os jogos AAA não saiam na WiiU toda a gente compreende, no entanto existem muitos jogos que poderiam sair para a consola mas devido às fracas vendas nunca foram considerados, de qualquer maneira a WiiU está morta e pode ser que muitos desses jogos apareçam na NX.
#5 Nosferatus

17 de Setembro, 2015, 10:55

Blair
@Nosferatus segundo o Tech Radar, a PS4 tem uma vantagem considerável sobre a sua equivalente Xbox One de quase o dobro das vendas. Por isso não me parece que a Wii U pudesse bater de frente em vendas, especialmente porque é a própria diferença tecnológica a impedir o mesmo fluxo constante de jogos que as restantes.
Discordo, especialmente considerando que a ps3 e Xbox 360, 2 anos apos as sucessoras estarem no mercado, ainda receberem boa parte dos jogos third party. Apenas este ano se sentiu que alguns projectos são lançados em formato da nova geração.

O Fosso tecnológico, a margem daquilo que sabemos do mercado, nunca foi impedimento para a WiiU não receber a quase totalidade dos jogos lançados nas 4 consolas (ps3+4 e Xbox360+one)

Acredita que a WiiU se recebesse o apoio third party que as restantes obtiveram, as vendas da WiiU seriam bem diferentes. Não nos podemos esquecer dos picos de vendas que os first party causaram. Se a isso juntássemos os third party... era so fazer as contas.

Mas, o caminho foi outro, e o destino tb, portanto não vale a pena especular mais sobre isso.

moguino
Que os jogos AAA não saiam na WiiU toda a gente compreende, no entanto existem muitos jogos que poderiam sair para a consola mas devido às fracas vendas nunca foram considerados, de qualquer maneira a WiiU está morta e pode ser que muitos desses jogos apareçam na NX.
Falando no aspeto third party, sim está praticamente morta desde 2013. Apenas vamos continuar a receber os "habitués" anuais. (disney's + skylanders + just dance's + jogos lego etc)
No restante ainda temos mais 1 ano pelo menos pela frente de apoio. Os jogos First party e os exclusivos third vão aparecendo mesmo que a conta gotas, e creio que ate final do ano, 2016 se devera compor razoavelmente como o ultimo grande ano da consola.
#6 Blair

17 de Setembro, 2015, 11:08

@Nosferatus então, o que fez com que as third party não lançassem os seus produtos na Wii U como lançaram nas restantes?
#7 neveda

17 de Setembro, 2015, 11:10

Há tantos motivos para além dos tecnológicos.

A Wii U errou também nesse ponto, ao aproximar-se em demasia (sem ser fácil fazer port directo contudo) de consolas de uma geração que foi mais longa do que devia.
#8 Nosferatus

17 de Setembro, 2015, 12:25

Blair
@Nosferatus então, o que fez com que as third party não lançassem os seus produtos na Wii U como lançaram nas restantes?
As fracas vendas da consola combinadas com ports de jogos third party iniciais, mal otimizados, sobrevalorizados, e com online's e modos de jogo cortados e tardios...

Os consumidores reagiram naturalmente a uma situação destas...
Alguem no seu perfeito juizo ia compra um mass effect 3 por 69€ quando nas outras consolas tinham a coletanea dos 3 jogos por um preço inferior?

Alguem ia investir num jogo que ja se sabia que ia ter modos cortados e ainda por cima chega meses mais tarde a full price?

a diferença tecnologica nao foi sequer o problema, ja que tivemos alguns bons jogos third, que se mostraram superiores a varios niveis em relação ao hardware da geração anterior. Portanto se em 2015 a ps3 e xbox360 receberam jogos novos, não é pela questao do poder que a Wii U nao os recebe.

A Nintendo tem sim parte da culpa por a consola nao ter vendido bem, logo a começar no marketing. No entanto as third party boicotaram massivamente a consola, na maioria das vezes justificando que os jogos nao vendiam bem... claro que era conveniente esquecer o preço elevado, o facto de chegarem carregados de bugs e outros problemas, sem apoio de dlc's, e sem varios modos extra. Era suposto irmos a correr comprar porcaria a full price?

Eu comprwi varios desses jogos, mas a 15/20€ porque nao valiam mais que isso.
#9 neveda

17 de Setembro, 2015, 12:34

Mas vais fazer ports com qualidade (tinhas de ter equipas dedicadas para isso) quando tens de um lado uma userbase de duas consolas acima dos 80M (valor por alto) numa geração já excessivamente extensa? A decisão das third parties foi a obvia, tirando um ou outro caso incompreensível.

A Wii U nunca se devia ter colado a essa geração da forma como o fez.
#10 Celebi

17 de Setembro, 2015, 12:38

Sou o único que acha que a Wii U nunca devia ter saído? x)
#11 kunis

17 de Setembro, 2015, 12:42

Neste momento, continua com um melhor catalogo de exclusivos que a PS4 e a Xbone.
#12 neveda

17 de Setembro, 2015, 12:44

Mas os exclusivos são cada vez mais irrelevantes. Basta ver o top de vendas na Europa da primeira metade do ano.
#13 Celebi

17 de Setembro, 2015, 12:44

Então imagina se tivesse saído na altura certa com a tecnologia certa.
#14 Nosferatus

17 de Setembro, 2015, 12:48

neveda
Mas vais fazer ports com qualidade (tinhas de ter equipas dedicadas para isso) quando tens de um lado uma userbase de duas consolas acima dos 80M (valor por alto) numa geração já excessivamente extensa? A decisão das third parties foi a obvia, tirando um ou outro caso incompreensível.

A Wii U nunca se devia ter colado a essa geração da forma como o fez.
Não foi assim tão obvia, até porque a consola foi lançada e obteve bons números iniciais a nível de hardware. Os jogos "bons" é que não estiveram presentes, e ai a Nintendo falhou por não investir melhor nesse aspeto o resultado foram as fracas vendas dos jogos, o abandono quase total e imediato das thirds, a que se deve somar a má publicidade feita por estas, nomeadamente comentários pouco felizes e muitas vezes infundados. Lembro-me que durante 2013 muito debate se viu sobre a WiiU ser inferior a uma ps3 ou xbox 360.

A memoria das pessoas tende a ser curta, mas a minha vale ouro.
#15 neveda

17 de Setembro, 2015, 12:54

Os números da Wii U iniciais não foram assim tão bons, sobretudo na Europa (UK foi péssimo).

Houve bons jogos. ZombiU foi o melhor jogo de lançamento da geração. Tekken foi um excelente port por exemplo. Call of Duty também estava muito bom.

A Wii U não é inferior, mas tem problemas que impedem ports directos. Isso está mais do que debatido e em certa medida provado.

Queres comentar? Faz o teu registo aqui.