icone deSteamWorld Heist

ANÁLISE


SteamWorld Heist

Por a


3DS
ESHOP
Nota
8
Muito Bom

5 Comentários...

#1 Raviokarp

20 de Dezembro, 2015, 01:24

Boa análise, fez-me comprar o jogo. Apesar de considerar que o preço está demasiado elevado! 17€ em promo, meh. Já comecei e devido à potencial frustração que falas na review, escolhi a dificuldade regular.
#2 Sergio Dias

20 de Dezembro, 2015, 02:21

tava a gostar da analise ate falares do codename steam, quando este é um bom jogo de estrategia.

fiquei tambem satisfeito por saber que durou 17h, ja da 1€ por hora.
#3 Raviokarp

20 de Dezembro, 2015, 02:44

Afinal dá para escolher a dificuldade antes de cada nível, excelente.
#4 Rony G

20 de Dezembro, 2015, 10:17

Sergio Dias
tava a gostar da analise ate falares do codename steam, quando este é um bom jogo de estrategia.
Lol
#5 Sergio Dias

20 de Dezembro, 2015, 10:36

Canhenho
Feito, tinha apenas um, não escapou!
Bom jogo, vou para o 3º "nível".
Agora é jogar o máximo possível, porque sexta vem o Splatoon xD
raidenpt
O pessoal não gosta do jogo por aqui ?
Eu acho o jogo bastante bom.
gusema
Eu ainda só vou no capítulo 5 mas para já acho que é capaz de ser um 7 ou um 8. Vou deixar aqui alguns pontos:

-Gosto do facto de terem colocado características originais,
-Para já estou a gostar das diferenças entre personagens,
-Acho que ao tentarem inovar acabaram por cortar alguns pontos essenciais no género (saber que inimigos vou ter pela frente por exemplo)
-Os turnos inimigos não tão tão maus como na demo. Com o correcto posicionamento das personagens conseguimos apercebermos-nos das movimentações
-A banda sonora está muito boa
-A história ainda está a começar mas parece competente
Ryuseiken
Acabei o jogo há uma semana e picos. Gostei da jogabilidade, mas a história é uma valente treta, especialmente quando se baseia naquela treta do feiticeiro de oz, que desde puto que odeio.
Ryuseiken
Na minha opinião isto acaba mesmo por ser um SRPG, mais do que um tactical ou qualquer outra coisa. Mas a história matou-me, raras vezes faço skip aos diálogos mas desta vez não tive paciência para mais de 1/3 das cenas... O que vale é que o gameplay em si é porreiro, faz lembrar valkyria chronicles, excepto sem todo o carisma que está por detrás dele...
gusema
Como disse acabei este jogo e devo dizer que discordo do Rony em vários pontos, a começar pela jogabilidade. De facto o jogo parace um ensaio da Intelegent Systems mas é um ensaio que resulta bem. Acho que conseguiram fundir SRPG com TPS de forma bastante satisfatória e resulta numa mecânica de jogo bastante original. Acho que o jogo exige bastante táctica em alguns níveis. Por exemplo, no último boss perdi 10 vezes por falta de posicionamento. O facto de os monstros terem pontos fracos também aprofunda mais a táctica. O meu maior receio que seria passar turnos a olhar para as paredes não verificou. O overwatch dá um bom incentivo para não nos limitarmos a esconder num beco do mapa. Contudo, a jogabilidade tem alguns defeitos e nota-se que precisava de ser mais polida. Sobretudo no que toca à reação dos inimigos torna-se difícil compreender a mecânica por traz e acaba por dar a sensação de que não temos acesso à informação toda.
Outro pequeno problema é o level design. Os níveis são todos bastantes fáceis mas a dificuldade não é linear (então na última missão...) o que prejudica um pouco a progressão.

Discordo também quando ele diz que os gráficos são do melhor da 3DS. Eles são bastantes bons e os cenários têm de facto bastantes cores mas acho que não seja o melhor grafismo da consola (não estou a falar em termos técnicos mas sim artísticos). Outra coisa que também achei desinspirada foram as personagens. Para um jogo que junta Aliens a máquinas a vapor altamente sofisticadas esperava muito mais originalidade quer em termos visuais quer em termos de caracterização.

O pior do jogo é sem dúvida a história. Ela por si só já era fraquinha mas quando meteram aquela cidade sem mais nem para que tornou-se simplesmente ridícula. Bem que tentam apimentá-la com algumas revelações mas nem assim. Para terminar, também não achei a banda sonora nada de outro mundo. É boa e cumpre a sua função mas compará-la a uma de um FE....

Eu acho que o essencial do jogo (a jogabilidade) estava lá e tinha muito potencial. Infelizmente fica-se pelo potencial uma vez que o resto do jogo não acompanha. 7/10

Agora vou voltar para o xenoblade.

Queres comentar? Faz o teu registo aqui.