icone deVersão Wii U de Yooka-Laylee cancelada

NOTÍCIA


Versão Wii U de Yooka-Laylee cancelada

Será agora lançado na Nintendo Switch.

WII U
SWITCH
ESHOP

Por Nuno Nêveda a


44

Nuno Nêveda, Redactor Chefe

Fã de hábitos alimentares saudáveis, consta que implementou dietas rigorosas aos colegas de equipa. Quando não anda atrás de uma balança, costuma implorar por um novo F-Zero. E quem lhe tira uma partida de FIFA, tira-lhe tudo.

44 Comentários...

#31 ze_samot

14 de Dezembro, 2016, 23:55

Ahah, porque é melhor cuspir uma desculpa esfarrapada aos clientes que os apoiaram, inclusive monetariamente. @gusema, o público não gosta de ver as suas expectativas defraudadas, muito menos com justificações tiradas do rabo, roça o gozo. Podiam muito bem resolver isto de forma politicamente correcta, sem apontar dedos nem números, justificando uma mudança de plataforma para a Switch devido ao calendário de lançamento do jogo e da consola! Toda a gente perceberia. Podiam não gostar mas eventualmente aceitariam melhor do que uma mentira descarada
#32 gusema

15 de Dezembro, 2016, 00:05

Mas também era mentira porque se a versão Wii U vendesse bem eles lançavam essa versão na mesma. A questão aqui é que eles usaram a Wii U para ter um boost de popularidade e porque não podiam anunciar versão Switch na altura. Os que investiram no jogo o kickstarter dá-lhes a hipótese de reaver o dinheiro por isso não perdem nada e os consumidores também não perdem nada. E acho que quem está à frente da comunicação das empresas percebe um pouco mais de comunicação que eu ou tu e o que isso quer dizer é que provavelmente o público aceita melhor estas justificações e parece que a "raiva" que tu e outros sentem com estes comentários é algo inerente à minoria das pessoas.
#33 Sergio Dias

15 de Dezembro, 2016, 00:19

Na wiiu deveria ser obrigatório, mas se tivesse de escolher apenas uma plataforma seria a switch.

A wiiu já esta arrumada a um canto e com um funeral mais que feito.
#34 ze_samot

15 de Dezembro, 2016, 00:21

@gusema desculpa lá mas não me venhas dizer que "lamentamos o cancelamento da versão WiiU para podermos focar esforços no lançamento da Switch e oferecer uma versão superior àquela planeada inicialmente, até porque na altura da campanha de angariação não havia informação da nova consola" é o mesmo que "lamentamos o cancelamento mas encontrámos dificuldades inesperadas e incontornáveis na programação do jogo na WiiU, agora, a 4 meses do lançamento".
O departamento de comunicação deles deve limitar-se a um programador que trata dessas tarefas no tempo livre, e mal lol.
Eu acho que a frustração é transversal aos consumidores interessados e com WiiU apenas. A questão é que o pessoal tende a esquecer rapidamente estes percalços pois são cada vez mais o pão nosso de cada dia, infelizmente
#35 Sergio Dias

15 de Dezembro, 2016, 00:28

"lamentamos o cancelamento da versão WiiU para podermos focar esforços no lançamento da Switch e oferecer uma versão superior àquela planeada inicialmente, até porque na altura da campanha de angariação não havia informação da nova consola"
Exactamente, sem tirar nem por. Qualquer um que tivesse investido iria aceitar isto, ou 99% vá. Se tivesse investido ficava satisfeito por o jogo sair numa plataforma melhor e com melhorias. Se o jogo tivesse sido anunciado para a "nx" sem ninguem saber o que era só de saberem que o jogo ia lá estar o apoio ia ser o mesmo. E tambem nao adianta dizer que quem tem wiiu nao é garantido que vá comprar uma switch, se existirem devem.se contar pelos dedos de uma mao em todo o mundo.
#36 gusema

15 de Dezembro, 2016, 00:39

ze_samot
O departamento de comunicação deles deve limitar-se a um programador que trata dessas tarefas no tempo livre, e mal lol.
O departamento de comunicação deles não mas os grandes estúdios também o fazem e gastam uns bons milhões em comunicação.

ze_samot
Eu acho que a frustração é transversal aos consumidores interessados e com WiiU apenas. A questão é que o pessoal tende a esquecer rapidamente estes percalços pois são cada vez mais o pão nosso de cada dia, infelizmente
Não fico nem nunca fiquei chateado com estas coisas e isto não é de agora. Honestidade nunca foi algo essencial para as grandes/pequenas empresas quer nos videojogos quer nos outros sectores no que toca à comunicação. Não é uma questão de hábito ou não é uma questão de todos sabermos o que realmente significam as coisas e não termos problemas em que venham com desculpas porque a nós não nos afecta em nada. Vão dormir igual quer eles dessem esta desculpa ou fossem honesto.

Sergio Dias
Qualquer um que tivesse investido iria aceitar isto, ou 99% vá. Se tivesse investido ficava satisfeito por o jogo sair numa plataforma melhor e com melhorias. Se o jogo tivesse sido anunciafo para a "nx" sem ninguem saber o que era só de saberem que o jogo ia lá estar o apoio ia ser o mesmo. E tambem nao adianta dizer que quem tem wiiu nao é garantido que vá comprar uma switch, se existirem devem.se contar pelos dedos de uma mao em todo o mundo.
Mas de certeza que os 15 milhões não vão comprar a consola nem no lançamento nem no primeiro ano de vida da Switch e isto significa que só vão jogar o jogo muito mais tarde e pode não ficar satisfeito com a troca de consolas.
#37 ze_samot

15 de Dezembro, 2016, 01:37

gusema
O departamento de comunicação deles não mas os grandes estúdios também o fazem e gastam uns bons milhões em comunicação.
Porque o que não existe por aí são empresas a fechar portas por decisões erradas de relações públicas e por má gestão, apesar dos milhões que são enterrados nesse âmbito. Muito dinheiro investido nem sempre se reflecte proporcionalmente na qualidade.

E no que toca à honestidade fico algo perplexo que te seja indeferente que te mintam ou sejam honestos, mesmo em termos empresariais. Confiança do consumidor não te diz nada então. Fazendo uma comparação extrema, é-te então igual saber que uma marca de produtos alimentares oculta o uso de químicos comprovadamente cancerígenos nos seus alimentos. A informação torna-se pública, garantem que já não usam os referidos elementos e tu continuas com a tua confiança inabalada na idoneidade dos seus alimentos e na segurança da marca porque é normal mentir na área empresarial?
As consequências são completamente diferentes para este caso, eu sei, mas traduzem-se no mesmo, confiança e valorização da empresa perante o consumidor. Certamente que compro produtos, publicito e até defendo inadvertidamente uma empresa em quem confio. Nesta caso particular do Yooka-Lalee até parece que mentiram porque sim, pois acho que a verdade seria recebida com menor impacto.

Isto já está um bocado fora do tópico e até parece grande choro aziado com esta decisão de cancelamento ahah. Como a minha opinião já deu para perceber qual é, I'm out.
#38 gusema

15 de Dezembro, 2016, 02:26

ze_samot
E no que toca à honestidade fico algo perplexo que te seja indeferente que te mintam ou sejam honestos, mesmo em termos empresariais. Confiança do consumidor não te diz nada então. Fazendo uma comparação extrema, é-te então igual saber que uma marca de produtos alimentares oculta o uso de químicos comprovadamente cancerígenos nos seus alimentos. A informação torna-se pública, garantem que já não usam os referidos elementos e tu continuas com a tua confiança inabalada na idoneidade dos seus alimentos e na segurança da marca porque é normal mentir na área empresarial?
As consequências são completamente diferentes para este caso, eu sei, mas traduzem-se no mesmo, confiança e valorização da empresa perante o consumidor. Certamente que compro produtos, publicito e até defendo inadvertidamente uma empresa em quem confio. Nesta caso particular do Yooka-Lalee até parece que mentiram porque sim, pois acho que a verdade seria recebida com menor impacto.
Quando a mentira da empresa não tem qualquer impacto na minha saúde/bem-estar então não tenho problemas. O máximo de problemas que isto poderia causar era que alguém criasse hype para o jogo e agora descobrisse que não o podia jogar o que não é o meu caso. Isto são comunicados sobre decisões internas (venham elas da falta de vendas da consola ou de "problemas técnicos") que não afectam o consumidor para além da decisão final.
#39 fabio00

15 de Dezembro, 2016, 09:54

Eu fiquei um bocado triste com isto.
De certeza que não vou comprar a Switch porque em principio vou para a Universidade para o ano.
E apesar de ter noção que o mais provavel era isto acontecer eles podiam ter sido mais honestos para com os potenciais clientes e até para os investidores.
#40 neveda

15 de Dezembro, 2016, 10:58

As pessoas também têm de perceber que as condições de mercado eram diferentes quando a campanha começou e o mundo não é imutável.

A Wii U agora está quase tão morta como outra qualquer máquina retro. As vendas devem andar baixíssimas em praticamente todos os jogos. Por curiosidade, quantos daqui compraram por exemplo Axiom Verge (um dos melhores jogos indie do último ano e que saiu na Wii)?
#41 littlebloodyangel

15 de Dezembro, 2016, 11:38

neveda
A Wii U agora está quase tão morta como outra qualquer máquina retro.
A PS3 ja está mais que morta e felizmente continua a receber alguns joguinhos. A Wii U bem podia acontecer o mesmo que eu ficava mt contente. Mas não me parece que depois do Zelda saia mais alguma coisa...
#42 BraveBold

15 de Dezembro, 2016, 11:44

Tem bases instaladas bem diferentes
#43 neveda

15 de Dezembro, 2016, 11:45

E tem ainda pessoas suficientes a comprar jogos. Na Wii U isso já não acontece. Basta ver neste micro-cosmos que é o FNintendo.
#44 littlebloodyangel

15 de Dezembro, 2016, 12:23

Pensei que maior parte das pessoas ja tinham passado para a PS4. E os jogos que a PS3 ainda recebe sai também para a Ps4/Vita.
Na WiiU acredito que tenha pessoas suficientes para acontecer o mesmo. Mas prontos, será o desperdício de uma bela consola :enfim:

Queres comentar? Faz o teu registo aqui.