1. Juntem-se ao servidor de Discord do FNintendo. Juntem-se aqui.

FNintendo Acabei de acabar

Discussão em 'Mundo dos Jogos' iniciada por scab, 23 de Dezembro de 2008.

?

Quantos jogos terminaste durante o mês passado? (Abril 2016)

  1. Nenhum

    1 vote(s)
    6,7%
  2. Entre 1 e 3

    9 vote(s)
    60,0%
  3. Entre 4 e 6

    4 vote(s)
    26,7%
  4. Entre 7 e 9

    0 vote(s)
    0,0%
  5. Mais de 9

    1 vote(s)
    6,7%
  1. ze_samot 1-Up Mushroom
    aa

    ze_samot
    Mensagens:
    2.157
    NN ID:
    ze_samot
    Recomendo-te vivamente. Já o havia terminado há muito tempo mas voltei a jogá-lo este ano para tentar os 101% pela primeira vez e valeu a pena. Foi muito mais fácil desta feita, mas creio que tenha sido apenas por ainda ter algumas das sequências mais desafiantes quase mecanizadas. Tive de repeti-las tantas vezes na primeira run que nem o tempo conseguiu apagar a memória lol
     
    G.E.R.M.A.N. likes this.
  2. gusema Spring Mushroom
    aa

    gusema
    Mensagens:
    9.758
    Eu prefiro os controlos deste Sonic aos da série Super Mario. Acho que se os níveis debaixo de água deste jogo exigissem a mesma precisão que os restantes era capaz de ser uma experiência frustrante mas não é o caso.
     
  3. G.E.R.M.A.N. Mega Mushroom
    aa

    G.E.R.M.A.N.
    Mensagens:
    10.938
    Switch FC:
    3057-7639-9495
    Sonic não exige precisão, não é como se fosse um Mega Man. Quanto aos controlos da água, ok, ainda bem que te divertiste, eu acho do pior que já joguei em jogos de plataformas 2D, apenas podemos concordar em discordar.
     
  4. gusema Spring Mushroom
    aa

    gusema
    Mensagens:
    9.758
    Não queria dizer que os níveis do Sonic exigem uma precisão elevada, apenas que os níveis fora de água exigem mais precisão que os níveis debaixo de água.
     
  5. Deus ex-Machina Mega Mushroom
    aa

    Deus ex-Machina
    Mensagens:
    12.742
    Ja avancaste mais no meta-game?
    Ha ali moons que nao lembram ao menino Jesus e so com FAQs fui la. E depois tens....bem...tens os desafios mais interessantes, mas nao vou dizer onde para nao spoilar...
     
  6. G.E.R.M.A.N. Mega Mushroom
    aa

    G.E.R.M.A.N.
    Mensagens:
    10.938
    Switch FC:
    3057-7639-9495
    Ainda não, entretanto comecei o Smash e mudei de hospital, mas espero voltar na próxima semana.
     
  7. Deus ex-Machina Mega Mushroom
    aa

    Deus ex-Machina
    Mensagens:
    12.742
    Eu o Smash nao quero; o da U aguentou-me umas 3 semanas na consola e depois nunca mais lhe peguei. Nao consigo acompanhar o entusiasmo em volta do jogo; ha 'pessoal que ja vai acima das 500 horas de jogo e quando lhes pergunto como conseguem tal facanha num jogo que saiu ha um par de semanas, dizem que estao a aprender e so jogaram com 7 ou 8 personagens ainda!!!!!!
     
  8. lobito180 Normal Mushroom
    aa

    lobito180
    Mensagens:
    575
    Dois jogos que acabei nos últimos dias:

    Persona 3 Dancing in Moonlight: Não tem a história que o Persona 4 Dancing All Night teve, em vez disso, tirando o jogo de música em si, restam umas cenas de conversa entre os personagens mas que não passam de fan service ao podermos ver personagens de que gostamos a interagir mais. As músicas são muito boas, como seria de esperar de algo relacionado com Persona, mas puseram músicas que deveria estar obrigatoriamente no jogo como DLC pago. Bem sei que no Japão estas músicas saíram depois do jogo, mas aqui no Ocidente não vejo muito a lógica disto, a não ser tentarem que paguemos mais 25€ (salvo erro) pelo pack das músicas. Se algum dia fizerem uma promoção decente ainda as compro pois há músicas, como a versão completa da abertura deste jogo, que queria poder jogar.
    Para quem não tem grande conhecimento de Persona 3, se encontrarem barato, vale pelas músicas, a meu ver. Eu devo ter jogado 1/4 do jogo original e mesmo sem conhecer alguns personagens, gostei bastante, sendo que fiquei cheio de vontade de jogar do princípio ao fim o Persona 3 FES que tenho ali para a PS2...

    Spyro the Dragon (versão Reignited Trilogy): Adorei o jogo. Sei que melhoraram alguns aspectos em relação ao original, como acabar com os dragões repetidos e apenas com cores diferentes, mas fiquei com a sensação de que se tivesse jogado Spyro em criança iria tê-lo adorado. Comparando com a outra "mascote" da Sony da altura, Crash Bandicoot, gostei mais da estreia do dragão roxo do que do marsupial, e achei-o muito menos frustrante. Aliás, o jogo deu-me de tal modo prazer a jogar que fiz os 100% logo à primeira, o que me permitiu desbloquear o nível bónus final. Ainda voltei a jogar uns 5 níveis só para ter o troféu de platina. Não é que ligue a estas coisas, mas se um jogo me cativa, e não é muito difícil, não me importo de passar mais uma horinha e ter aquela notificação no ecrã.

    Posto isto, hora de começar o Persona 5 Dancing in Starlight e talvez vá voltar à saga do Ryo com o Shenmue II...
     
    Última edição: 6 de Janeiro de 2019
    Nosferato likes this.
  9. lobito180 Normal Mushroom
    aa

    lobito180
    Mensagens:
    575
    Afinal ainda não comecei o Shenmue II, a portabilidade da Switch é uma coisa que me dá bastante jeito! ^^

    Acabei agora o Sega Ages: Phantasy Star.
    Joguei no modo ages, que dá mais experiência e dinheiro em cada combate (ou seja, basicamente elimina o grinding, que neste jogo era puxadinho) e gostei. Tinha imensa curiosidade por causa do Happy Console Gamer e esta é a melhor maneira, a meu ver, de jogar, principalmente porque faz os mapas das dungeons e poupa-nos o tempo de o estarmos a fazer à mão numa folha de papel quadriculado (o que mesmo assim era difícil devido às armadilhas que nos fazem cair de um andar para o inferior). Ainda assim, houve algumas partes em que me perdi e tive de recorrer a um walktrough, se não ia demorar imenso tempo a desvendar o que tinha de fazer ou para onde tinha de ir. A banda sonora tem a sua piada, para um jogo desta altura (joguei sem o som FM).
     
  10. Ploki Bee Mushroom
    aa

    Ploki
    Mensagens:
    3.775
    NN ID:
    Ploki987
    Só acabei ontem o World of Light do Smash Ultimate.
    30 horas para os 100%.
    Não esperava tanta hora para o modo solo, aliás, até comecei este modo bastante devagarinho para o poupar e ia só jogando de vez em quando porque pensava era bem mais pequeno. Quando me apercebi realmente do tamanho da coisa é que comecei a apertar no acelerador e lá foi.
    Acabei por ainda fazer os 3 finais para ver todo aquele CGI glory.

    Talvez o melhor single player da serie para mim, muito perto do Brawl.

    Os primeiros créditos de 2019.
    :cheerleader:
     
    Última edição: 13 de Janeiro de 2019
  11. Nosferato Redactor
    aa

    Nosferato
    Mensagens:
    9.804
    NN ID:
    Nosferato
    Switch FC:
    5746-6701-2799
    Olha, curiosamente também terminei o World of Light do Super Smash Bros. Ultimate ontem ao final da tarde.
    Demorei cerca de 20 horas, e no global tenho a dizer que foi uma experiência bastante satisfatória, porém, mais para o final da jornada já se notava um certo enchimento de chouriços completamente desnecessário.
    O conteúdo é excelente. A combinação de espíritos é muito boa, dando ao jogador a necessidade de utilizar a sua estratégia para cada batalha. A evolução natural de progresso está muito bem feita. Recordo-me que ao início era simplesmente impossível sequer enfrentar um lendário, e agora nesta reta final já era simplesmente um pequeno estalar de dedos.
    Quanto aos temas, músicas, ligações e fanservice puro e duro, é o melhor já que passou na história dos videojogos. Chega a ser surreal como pensaram em tantos detalhes e combinações de lutadores e suportes, mas que belo trabalho.
    Já das coisas que não gostei muito, foi mesmo já para o final. O sentimento de que meteram lá batalhas só para encher não me caiu lá muito bem. Por vezes dei por mim a querer despachar literalmente à pressa porque já não estava com pachorra para defrontar o inimigo X, e isso só demonstra que para o fim já não estava a ser divertido.
    A batalha final também poderia ser um pouco melhor... e o ending também, vá.
    Mas pronto, no global é um modo de aventura excelente. Adorei.
     
  12. Ploki Bee Mushroom
    aa

    Ploki
    Mensagens:
    3.775
    NN ID:
    Ploki987
    Eu gostei da batalha final do true ending mas o final em si poderia ter sido bem melhor.
     
  13. BAlvez 1-Up Mushroom
    aa

    BAlvez
    Mensagens:
    1.395
    [​IMG]

    No passado sábado terminei o Red Dead Redemption 2, jogo onde inicialmente tinha expectativas muito altas porque o primeiro jogo é provavelmente o meu jogo preferido da Rockstar, mas com o aproximar do lançamento comecei a perder algum interesse no jogo de forma inexplicável. Ainda assim, comprei-o a meias com um amigo pois estava curioso para perceber a razão de todas as excelentes críticas que o jogo tinha.
    Depois de meter muita hora neste jogo, estaria eu no 4º capítulo, comecei a notar aquilo que me fazia torcer o nariz com este jogo e o principal responsável é o seu mapa. É enorme, muito variado quer de forma estética quer da vida que existe em cada zona (seja animal, seja humana). É realmente impressionante, mas o jogo não tira proveito da escala do mapa porque as missões em sua grande maioria estão muito centralizadas, e as que não estão, estão muito longe e obriga a que existam viagens de 10-15 minutos, às vezes mais. E isso leva-me a um outro ponto que me faz ganhar alguma aversão ao mapa e à sua navegação, a ausência de um bom sistema de Fast Travel porque só o podemos fazer do acampamento para cidades e vilas, e dessas cidades/vilas para outras cidades/vilas que tenham uma carruagem que nem sempre está disponível. Neste aspecto é um jogo demasiado realista e eu ficava genuinamente aborrecido pela quantidade de viagens que tinha de fazer. Mas o maior problema é mesmo a falta de liberdade das missões, a Rockstar define um caminho e é esse que obriga o jogador a seguir, e por isso mesmo é que os objectivos que eles definem para conquistar medalhas de ouro nas missões passa muito pela conclusão da missão em X tempo e que se tenha uma precisão de tiro de 70%-80% ou assim. Por vezes o jogo dá-nos algumas decisões a tomar, lembro-me de uma que envolvia assaltar uma casa de manhã ou de noite o que mudaria a missão de alguma maneira, mas foi apenas essa ocasião. Fora isso temos decisões do tipo "ajudas ou não?" e se escolhermos não ajudar apenas ficamos bloqueados em fazer tais tarefas, bem que poderia existir um caminho alternativo e é nisso que a Rockstar peca neste jogo. O mesmo se aplica a missões secundárias e a certas tarefas como assaltar casas após a dica de alguém, e as nossas acções que melhoram ou pioram a nossa honra não têm impacto na história. Recentemente vi um vídeo exactamente sobre este problema do RDR2 do Youtuber NakeyJakey onde ele explora muito mais esta questão e onde eu lhe dou toda a razão.
    Mas quando existia história eu não tenho nada a apontar ao jogo e gostei de todas em personagens e acredito que foram bem exploradas. Acho que no geral está bem conseguida apesar do capítulo 4 ter um ritmo muito lento nos dois primeiros terços, mas no último nota-se que foi apressado. E depois temos o mítico 5º capítulo que é só desnecessário. Olhando a frio estes dois momentos em particular, faz sentido que eles sejam assim para mostrar o desenvolvimento de certas personagens, mas acho que poderia ter sido contado de uma maneira diferente. Já o 6º e último capítulo foi coisa que eu adorei, mas muito porque eu me dispus a fazer "Missões de Honra" (coisa que eu só percebi que existia quando as fiz todas e ganhei um troféu) e as missões secundárias que complementam e muito os momentos que se vivem nessa parte do jogo. Depois ainda temos dois epílogos que têm um ritmo muito baixo, mas que eu adorei pelas ligações ao primeiro jogo da série.
    Eu gostei do Red Dead Redemption 2, mas discordo totalmente nas críticas que aclamam este como um dos melhores jogos de sempre. Nem sei quantas horas perdi no total com este jogo, mas mais facilmente eu irei repetir o Breath of the Wild onde eu perdi umas 120 horas do que este. Dou-lhe um 8.5/10, e mesmo que tente puxar eu não lhe consigo dar um 9.
     
    lobito180 likes this.
  14. lobito180 Normal Mushroom
    aa

    lobito180
    Mensagens:
    575
    Hoje foi dia de acabar o Persona 5 Dancing in Starlight.
    Apesar de o jogo ser igual ao Persona 3 Dancing etc, acabei por gostar mais desse, muito pelas músicas. Não que a banda sonora deste jogo não seja boa porque, tal como a do Persona 5, é soberba, mas para mim não se adequa tão bem a um jogo deste género, salvo algumas músicas. Ainda assim, é sempre bom podermos ver personagens de quem gostamos interagir mais um pouco.
     
    Hrs10 likes this.
  15. ze_samot 1-Up Mushroom
    aa

    ze_samot
    Mensagens:
    2.157
    NN ID:
    ze_samot
    A Way Out terminado em couch co-op no PC.

    Para quem não conhece, este é um título com foco na narrativa mas que tem de ser obrigatoriamente jogado por duas pessoas, em ecrã dividido.
    O jogo é bastante cinemático, com uma história cativante realçada pelo bom desempenho por parte dos actores. O gameplay é de "digestão fácil" mas divertido e capaz de proporcionar bons momentos de trabalho em equipa em situações que vão desde a solução de puzzles ambientais, controlar um barco a descer rápidos ou sequências de tiroteio.

    Ideal para um ou dois serões ligeiros mas bem passados.
     
    Última edição: 15 de Janeiro de 2019
    Hrs10, BraveBold and G.E.R.M.A.N. like this.
  16. BAlvez 1-Up Mushroom
    aa

    BAlvez
    Mensagens:
    1.395
    [​IMG]
    Este foi o segundo jogo terminado este ano, e que belo jogo! É um jogo de plataformas bastante exigente à la Super Meat Boy, mas com uma bela história que tem o seu impacto no level design. A premissa do enredo é muito simples, a protagonista Madeline quer chegar ao cume da montanha Celeste pois faz questão de cumprir um compromisso que ela assumiu com ela mesma. A razão dessa promessa é revelada à medida que vamos progredindo no jogo, muito com as opções de interação com os NPC's que vamos encontrando, que não é obrigatória, mas muito recomendada a ser feita. Para um platformer, tem um excelente enredo e este é bem cativante!
    Neste jogo morre-se, e muito, mas o desafio é de tal maneira bem feito e as mecânicas vão sendo renovadas de forma frequente que o jogador não se consegue fartar do jogo e quer é chegar logo à próxima área. Também temos coleccionáveis neste jogo, os morangos que servem mais como bargain rights, mas têm alguma influência no final do jogo. Já as Side-B Tapes que desbloqueiam um nível alternativo ao capítulo onde encontramos tal cassete, e ainda os Crystal Hearts que são um colecionável onde temos de pensar fora da caixa para os obter (um deles tem a ver com o Mario 3). Mas para quem o jogo se revela demasiado difícil, Celeste tem um Assist Mode onde o jogador pode usar as "batotas" que quiser, como o Dash e resistência infinitos, invencibilidade e alterar a velocidade do jogo. Isto é muito bom e não impede que toda a gente consiga desfrutar do jogo, e eu admito que usei tal coisa uma única vez para conseguir um dos últimos morangos do capítulo 7!
    Mas Celeste é um jogo lindíssimo, dos melhores jogos de Pixel Art que existem aí e tem uma excelente banda sonora a aliar-se a esta apresentação. Dou-lhe um 9/10, não chega ao 10 porque o 7º capítulo é demasiado longo.
     
    Última edição: 20 de Janeiro de 2019
    Nosferato, lobito180 and Glacies like this.
  17. lobito180 Normal Mushroom
    aa

    lobito180
    Mensagens:
    575
    Golf Story: A mistura entre RPG e um jogo de golf tem a sua piada, e o jogo tem um charme de que gostei. Existem algumas actividades secundárias, como golf com discos, mas não me chamaram muito a atenção. Em termos mais técnicos, deparei-me com algumas coisas mínimas, a queda de fps no zoom out do buraco e algumas transições entre cenários por vezes apresentam bugs ligeiros.
    No geral achei uma experiência bastante agradável, dou-lhe uma nota de 7.5.
     
    Ploki likes this.
  18. Adronat 1-Up Mushroom
    aa

    Adronat
    Mensagens:
    2.269
    [​IMG]

    Feist (PC Steam) - Jogo de plataformas curtinho. Passa-se um bom bocado mas não é nada por aí além.

    Nota Adronat: Say hello to my little furry ball friend.

    [​IMG]

    Gorogoa (PC Steam) - Jogo de puzzles muito giro, em que temos de encontrar e combinar padrões em diversas camadas. Recomendado.

    Nota Adronat: Puzzle inception
     
    Ploki and BraveBold like this.
  19. _GM_ Normal Mushroom
    aa

    _GM_
    Mensagens:
    687
    [​IMG]
    Já o tinha comprado há pelo menos 2 anos. Mas só agora é que joguei. Foi a versão Wii.

    Não estava a contar gostar do jogo. Antes deste, os que joguei foram o Majora's Mask 3D, antes deste o Ocarina of Time 3D, e antes deste (e o meu primeiro LoZ), o Skyward Sword. Como pouco ou nada sabia do Twilight Princess (e como nunca vi tantas opiniões positivas para com este jogo, em comparação com outros jogos da série), sempre pensei que o Twilight Princess fosse aquele jogo da série Legend of Zelda que, com um foque num estilo visual mais "realista", outros aspectos da série teriam menos foque. Mas estava bem enganado. Também não ouvi falar muito bem da versão da Wii, por causa dos controlos, mas dei-me muito bem com os controlos.

    É um sólido Legend of Zelda. Para mim, uma sequela direta do Ocarina of Time, não só em termos de história, mas também em termos de game design. E tem um bom equilíbrio entre as duas formas do Link. Este jogo acaba por ter aspectos melhor que o Skyward Sword. Realmente recomendo.

    Ainda me faltam jogar 2 jogos da série em 3D (e falta me todos os jogos em 2D). O Wind Waker e o Breath of the Wild. Este último eu tenho desde que comprei a Switch. Só que não o toquei com medo que, depois de terminar o Breath of the Wild, jogar o Twilight Princess se tornasse numa experiência mais "fraca". Mas depois de jogar o Twilight Princess, e após já ter jogado os restantes jogos já mencionados, chego à conclusão que cada Legend of Zelda tem o seu charme, cada um com os seus pontos fortes e únicos. E que um jogo dificilmente vai desvalorizar os restantes.

    Btw, agora já sei porque é que muitos escolheram, como waifu, a Midna xD
     
    Nosferato likes this.
  20. Nosferato Redactor
    aa

    Nosferato
    Mensagens:
    9.804
    NN ID:
    Nosferato
    Switch FC:
    5746-6701-2799
    Antes de embarcares no Breath of the Wild, dá um salto até Wind Waker, e se possível opta pela versão Wii U.
    O Twilight Princess está de facto no top 3 das aventuras de Link mais emblemáticas.
     

Partilhar esta Página

  1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies.
    Remover anúncio