1. Juntem-se ao servidor de Discord do FNintendo. Juntem-se aqui.

GC Metal Gear Solid: The Twin Snakes

Discussão em 'Jogos' iniciada por FNintendo, 27 de Setembro de 2016.

  1. gusema Spring Mushroom
    aa

    gusema
    Mensagens:
    9.758
    Mas resolver bosses "pedindo ajuda" não é uma forma genial de passar os bosses. Assim colocavas um ponto fraco nada óbvio mas épico e escondias a sua solução debaixo de uma ajuda e estavam feitas as bosses battles. Para mim uma boss battle é genial quando o próprio boss nos dá as indicações/pistas para o derrotar e tens uma linha de raciocínio que te permita descobrir a sua fraqueza, ou seja, como num puzzle. Um puzzle que tem de ser resolvido por tentativas é um puzzle estúpido porque não tem uma lógica.

    Eu isso achei muito fixe (embora o soubesse antes de jogar o jogo).

    Formas essas que te obrigam a gastar uma quantidade de tempo de absurda (eu ainda cheguei a tentar) e que fica completamente desfasada do resto do jogo.

    Eu até acho que é a pior boss fight do jogo até agora (se excluirmos o diálogo inicial).
     
  2. BAlvez 1-Up Mushroom
    aa

    BAlvez
    Mensagens:
    1.395
    A questão aqui @gusema é que estás a olhar para as coisas de uma forma muito fria e demasiado racional, e por essa razão eu não consigo discordar de ti pois tens uma certa razão, no entanto, é preciso não esquecer que o Kojima está aqui a contar uma história e essa fase da história é um ponto de viragem para o Solid Snake.
    Ele sempre foi conhecido como aquele soldado do caraças que "makes the impossible possible", mas ele começa a ficar afeiçoado à Meryl e isso não é normal para ele, então quando a estão a usar contra ele, o Snake fica desesperado. E a Boss Battle consegue transmitir isso mesmo para o jogador, que não sabendo o que fazer tem tentar descobrir para isso temos as diversas pessoas que nos têm ajudado através do Codec para isso. Claro que uma vez descoberta a fraqueza, o boss fica fácil, mas ainda assim, chega aquela fase onde ele começa a usar a Meryl contra o Snake e em último recurso quer fazer com que ela se suicide enquanto a controla que volta a colocar pressão sobre o jogador.
    Tendo isto em consideração, o Psycho Mantis consegue destacar-se bastante e é por isso que tem o apreço que tem.
     
  3. gusema Spring Mushroom
    aa

    gusema
    Mensagens:
    9.758
    Eu concordo com isto a 100% a ideia da Maryl intervir durante a boss battle é muito boa e resulta de forma excelente.

    Isto é que já não concordo, se ele tivesse outra fraqueza qualquer teríamos exatamente a mesma pressão para a descobrir para além de que a Maryl está inconsciente até descobrirmos a fraqueza dele, não é como se tivéssemos 1 minuto para a descobrir ou ela morre.
     
  4. BAlvez 1-Up Mushroom
    aa

    BAlvez
    Mensagens:
    1.395
    Mas a ideia deste desespero é mesmo que por mais que se experimente isto ou aquilo, nada resulta, mas quando damos com o bicho, a última cartada do Psycho Mantis é mesmo essa. Se um gajo não tiver a destreza de mandar uma Stun Granade para a Meryl, ele acaba mesmo por a matar. Aqui sim, já é algo que transmite bastante essa pressão que dizes, e também se nota o desespero do Psycho Mantis por não conseguir manipular mais o Snake.
     
  5. gusema Spring Mushroom
    aa

    gusema
    Mensagens:
    9.758
    Oi? Eu não usei nenhuma stun granade, limitei-me a dar-lhe um par de socos e ela parou sempre logo de seguida (não tive que repetir o boss depois de descobrir o truque).

    Mas isso acontecia com qualquer que fosse a fraqueza e sentia-me muito mais gratificado se a fraqueza dele fosse uma coisa lógica que eu pudesse descobrir por mim.
     
  6. BAlvez 1-Up Mushroom
    aa

    BAlvez
    Mensagens:
    1.395
    Também é uma forma de o fazer, mas quando estava com a pistola apontada à cabeça e eu aproximava-me muito dela, puxavam o gatilho.
     
  7. jabun Colaborador
    aa

    jabun
    Mensagens:
    6.599
    NN ID:
    jabun22
    Switch FC:
    4704-5392-9413
    E agora o trailer que me fez largar umas gotinhas na E3 de 2003. Incrível como me lembro de ver isto como se fosse ontem. E uma run disto?


    Metal Gear Solid The Twin Snakes - E3 2003 Trailer

     
    Valoo likes this.
  8. jabun Colaborador
    aa

    jabun
    Mensagens:
    6.599
    NN ID:
    jabun22
    Switch FC:
    4704-5392-9413
    Vou regressar a Shadow Moses nos próximos dias. Alguém me quer acompanhar?
     
  9. jabun Colaborador
    aa

    jabun
    Mensagens:
    6.599
    NN ID:
    jabun22
    Switch FC:
    4704-5392-9413
    Ploki, Kensh, BraveBold and 2 others like this.
  10. ze_samot 1-Up Mushroom
    aa

    ze_samot
    Mensagens:
    2.157
    NN ID:
    ze_samot
    [​IMG]

    A começar agora mesmo. Agora é pela noite dentro.
     
    Ploki, BraveBold and Nosferato like this.
  11. jabun Colaborador
    aa

    jabun
    Mensagens:
    6.599
    NN ID:
    jabun22
    Switch FC:
    4704-5392-9413
    Por hoje já está

    Fiquei na parte em que o Snake encontra a Meryl e lhe fica a mirar o traseiro quando ela se afasta

    O meu último save era de 2006. Feeling old...
     
  12. Kensh Spring Mushroom
    aa

    Kensh
    Mensagens:
    8.066
    Vou começar hoje. A ver como a Vita aguenta que já começou com problemas de bateria, qualquer coisa passo para a Ps3.
     
  13. ze_samot 1-Up Mushroom
    aa

    ze_samot
    Mensagens:
    2.157
    NN ID:
    ze_samot
    Eu fiquei na batalha com o tanque. Os controlos e ângulos de câmara são tão maus para um jogo de stealth, jasus. Tira-me bastante imersão ao jogo.
     
    Última edição: 22 de Julho de 2019
  14. jabun Colaborador
    aa

    jabun
    Mensagens:
    6.599
    NN ID:
    jabun22
    Switch FC:
    4704-5392-9413
    Também estranhei ao inicio eheh

    Agora ja me habituei.

    Na época não tive qualquer dificuldade com a jogabilidade. Agora somos uns meninos:lol:
     
    Valoo likes this.
  15. ze_samot 1-Up Mushroom
    aa

    ze_samot
    Mensagens:
    2.157
    NN ID:
    ze_samot
    Eu regra geral readapto-me bem aos controlos mais arcaicos dos primórdios do 3D mas já tive momentos bens frustrantes neste MGS.

    Terminei agora o confronto com o Psycho Mantis e foi simplesmente um dos bosses mais criativos que defrontei. Acaba por ser muito fácil mas a quebra da quarta parede e a táctica que se tem de adoptar são mesmo muito bons. A música também é porreira e enquadra-se bem. Achei piada quando ele diz
    "Estou a ver que gostas de jogos da Silicon Knights. E que estiveste a jogar Eternal Darkness"
     
  16. jabun Colaborador
    aa

    jabun
    Mensagens:
    6.599
    NN ID:
    jabun22
    Switch FC:
    4704-5392-9413
    Adorei o pormenor de toda a informação que o Baker tinha dos projetos das energias nucleares estarem… numa disquete
     
  17. gusema Spring Mushroom
    aa

    gusema
    Mensagens:
    9.758
    Eu joguei a versão PS1 e a verdade é que mesmo para um jogo de 1998 os controlos não são nada de especial mas não tive problemas com a câmara. Nesse aspecto o FF VII está me a dar bem mais problemas.
     
  18. ze_samot 1-Up Mushroom
    aa

    ze_samot
    Mensagens:
    2.157
    NN ID:
    ze_samot
    Nos controlos o que mais me deixa frustrado são os momentos em que me encosto a uma parede em qualquer posição que não a parte superior do ecrã, por exemplo, à esquerda. Primo o analógico para a esquerda, o Snake encosta-se e a câmara muda de perspectiva e ficamos com a parede que anteriormente estava à esquerda à frente. Para deslizar ao longo da parede e espreitar pelos cantos nesta nova perspectiva (o que é bastante útil) supostamente bastaria direccionar o analógico para a esquerda ou direita, mas não! Temos de utilizar as direcções da perspectiva anterior. Neste caso tenho de pensar onde estava a parede na perspectiva inicial e direccionar o analógico para cima ou baixo para deslizar o personagem para a esquerda ou direita, é um atrofio e faz-me muitas vezes sair disparado da cobertura e ficar exposto. Controlar o Snake a rastejar em espaços apertados com mudanças de direcção também é um filme. Tentar interagir com elementos por vezes também é chato pois um ligeiro toque a mais faz com que o personagem encoste-se logo e depois lá tenho de dar a voltinha para tentar interagir com o elemento como deve ser.

    Em relação à câmara a minha principal queixa prende-se com o facto de ter campo de visão reduzido e visto de cima, o que em espaços abertos não funciona bem visto que inimigos que nem sabemos que lá estão podem ver-nos à distância. A área abrangida pelo radar também é reduzida, o que não ajuda nessas situações. Se quiser ter uma ideia geral na primeira pessoa tenho de ficar parado, tipo alvo a abater, ou tentar encontrar rapidamente um refúgio para daí tentar inspeccionar mas, dada a primeira limitação, é muito provável que seja visto antes de chegar ao local seguro. Depois de ser apanhado é fácil saber o que evitar mas acho que tira imersão a um jogo de stealth ter uma componente de tentativa/erro tão vincada. Ou então sou eu que sou nabo, mas noutros jogos do mesmo género não tenho estes problemas e dá-me bastante gozo passar uma área cheia de inimigos sem ser interceptado.
     
  19. Kensh Spring Mushroom
    aa

    Kensh
    Mensagens:
    8.066
    Já resolvidos os problemas com a bateria da Vita, obrigado pessoal do homebrew lol, vou começar hoje esta brincadeira.

    A ultima vez que joguei deve ter sido antes do Ground Zeroes, isso já foi há 5 anos e na altura não tive grandes problemas com os controlos. A ver como corre agora, já que quero mesmo fazer a run completa de todos os jogos principais. Se tiver paciência talvez me atire aos spinoffs, sendo que vou querer jogar Metal Gear Rising outra vez, jogo goty.
     
  20. ze_samot 1-Up Mushroom
    aa

    ze_samot
    Mensagens:
    2.157
    NN ID:
    ze_samot
    Eu já ando pelo segundo disco.
     

Partilhar esta Página

  1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies.
    Remover anúncio