1. Juntem-se ao servidor de Discord do FNintendo. Juntem-se aqui.

FNintendo Ultra Backlog Challenge 2019: É agora ou nunca

Discussão em 'Mundo dos Jogos' iniciada por Celebi, 4 de Janeiro de 2019.

  1. lobito180 Normal Mushroom
    aa

    lobito180
    Mensagens:
    592
    Já lá vão 13 jogos este ano. Estou tão orgulhoso de mim mesmo! :soubom:
     
    BAlvez likes this.
  2. ze_samot 1-Up Mushroom
    aa

    ze_samot
    Mensagens:
    2.187
    NN ID:
    ze_samot
    Actualizar isto que já não o faço há algum tempo.

    Desde a última actualização terminei:
    - todos os DLCs de The Evil Within
    - House of the Dead: Overkill duas runs em co-op (normal e a director's cut)
    - The Talos Principle platinado
    - Radiant Historia
    - Wild Arms
    - Call of Cthulhu platinado

     
    G.E.R.M.A.N. likes this.
  3. Jonnybravo 1-Up Mushroom
    aa

    Jonnybravo
    Mensagens:
    2.279
    NN ID:
    Jonnybravo5
    Terminei o Bayonetta 2 já há coisa de 2 semanas, mas ainda não tinha vindo actualizar. Entretanto comecei o Lego City Undercover na Wii U, mas os loadings daquilo são bastante angustiantes. Devo ir sensivelmente a meio da história e penso que me fico por aí. Está tudo bem encaminhado para acabar 13 jogos em breve e dedicar-me ao Red Dead!
     
  4. Shiny Redactor
    aa

    Shiny
    Mensagens:
    1.115
    NN ID:
    OPAHgaming
    Switch FC:
    2511-1795-1323
    Ultimamente tenho andado a jogar a série Dragon Quest novamente, numa tentativa de finalmente os eliminar todos do meu backlog, e recentemente passei dois que esqueci-me de mencionar no tópico :P

    - - - - -

    [​IMG]
    Dragon Quest III é uma obra prima do seu tempo! O melhor RPG Japonês da sua geração, que serviu como influencia para imensos outros jogos do género que o sucederam, que ainda é bastante divertido de jogar hoje em dia tirando alguns elementos já arcaicos.

    Eu já tinha passado este jogo há muitos anos quando era puto, portanto já sabia o que esperar em algumas ocasiões mas verdade seja dita houve muita coisa que já não me lembrava. Decidi jogá-lo outra vez só mesmo "for old time's sake" mas a experiência foi surpreendente divertida mesmo hoje em dia, e as várias coisas que já não me lembrava como o job system e o twist perto do final deram-me uma perspectiva melhor da qualidade deste clássico.

    Dragon Quest III é na verdade a primeira parte de uma trilogia chamada "Erdrick Trilogy" que segue o herói Erdrick e os seus descendentes. A ordem é III, I e II mas os jogos estão feitos de uma maneira que podes jogá-los por ordem de lançamento e perceber tudo bem (e foi o que fiz). A história é extremamente básica: puto é escolhido para ser o herói do destino e salvar o mundo do maléfico Baramos. Dragon Quest nunca se destacou pelas suas premissas em si mas eu diria que é das melhores séries a criar mundos momeráveis com personagens vivos e cheios de personalidade, e o III foi o primeiro da série que conseguiu o fazer na minha opinião.

    Em termos de jogabilidade o jogo não só é excelente (especialmente para a altura) mas foi revolucionário com o seu job system. No início do jogo podes levar três party members contigo, podes até criá-los tu próprio com os seus nomes e jobs específicos, e passado certo ponto o jogo oferece-te a possibilidade de mudar os jobs dos teus personagens quando passam do nível 20. Graças a isto podes criar magos com as vantagens de um lutador e vice-versa, e mais um bom número de combinações. Requer bastante grinding, como todos os JRPG's da altura, mas é extremamente recompensador criar os personagens à tua maneira. O jogo também tem uma excelente dificuldade que raramente se estica para o território do injusto, ao contrário do II que é literalmente uma tortura.

    10/10 - O clássico dos clássicos do seu género. Se gostas de RPG's Japoneses, e estás curioso para perceber a influência que teve, este é obrigatório.

    - - - - -

    [​IMG]
    Embora ter gostado bastante de jogar Dragon Quest IV, e considerá-lo o segundo melhor jogo da série na NES, é difícil não o declarar como uma decepção ao mesmo tempo. Depois do III eu acho que este foi um decréscimo enorme em termos de jogabilidade.

    Ao contrário do III este foi um jogo que nunca tinha completado portanto não tenho qualquer tipo de nostalgia. Assim que passei o III saltei logo para este com curiosidade de ver como o IV fez a série evoluir. Eu sou um grande fã de jogos que tentam explorar novas ideias mas também reconheço que essa filosofia também pode resultar em falhanço, e sinceramente eu acho que algumas das ideias que o IV teve foram prejudiciais para a experiência.

    Dragon Quest IV é o primeiro na série a sair fora da história do herói Erdrick e arranca mais uma trilogia dentro da série chamada "Zenithian Trilogy". Este tem de longe a melhor história dos Dragon Quests da NES, e ainda mostra a sua ambição nos dias de hoje. Em vez de começar com o herói lendário e seguir numa aventura épica como os outros, Dragon Quest IV parte a sua história em cinco capítulos onde controlas os vários personagens principais do jogo em cada um, para depois controlar o herói no último capítulo. É uma estrutura bastante única, especialmente na altura, que permite desenvolver mais cada elemento do elenco e torná-los mais memoráveis e apelativos. Nos primeiros quatro capítulos o jogo é basicamente como os outros III, mas depois chega-se ao último capítulo e por alguma razão o jogo decide dar uma volta de 360 graus.

    O combate é basicamente o mesmo que os outros mas no IV não tens job system portanto voltas a ter personagens com jobs fixos, o que é um bocado decepcionante mas por si não é um mau conceito. O problema origina no último capítulo onde o jogo só te deixa controlar o herói...exacto. Durante o jogo todo pudeste controlar cada elemento da equipa, e de repente o jogo tira-te esse controlo e substitui-o por um sistema de tácticas onde podes escolher o comportamento da equipa como ofensivo, defensivo, poupar MP, etc. Eu não teria problema se o jogo fosse assim do ínicio, o Final Fantasy XIII é assim por exemplo, mas mudar as regras a meio do jogo foi muito estranho. O jogo também é bastante mais fácil que os anteriores para compensar a falta de controlo da equipa, o que por si não é mau mas nota-se que estavam focados em construir o jogo à volta deste sistema de tácticas que não compensou de maneira nenhuma.

    7/10 - Continua a ser um jogo bom e divertido de jogar, e a história é certamente o seu destaque, mas a jogabilidade envelheceu muito mal. Se estiveres curioso para este jogo escolhe a versão DS ou mobile, onde já podes controlar a equipa à tua vontade.
     
  5. lobito180 Normal Mushroom
    aa

    lobito180
    Mensagens:
    592
    Só joguei o primeiro DQ num emulador de Game Boy. Gostei, sou bem capaz de jogar o II e ir avançando com a série aos poucos...
    As versões mobile são aconselháveis ou nem por isso?
     
  6. G.E.R.M.A.N. Mega Mushroom
    aa

    G.E.R.M.A.N.
    Mensagens:
    11.028
    Switch FC:
    3057-7639-9495
    Sim, são aconselháveis.
     
  7. gusema Spring Mushroom
    aa

    gusema
    Mensagens:
    9.763
    É verdade que os loadings são péssimos mas a segunda metade do jogo é melhor que a primeira. Depois de teres todos os fatos o jogo torna-se mais fluido e mais interessante.
     
    Jonnybravo likes this.
  8. Zetsu Spring Mushroom
    aa

    Zetsu
    Mensagens:
    9.454
    Terminado Tales of Vesperia PS4.

    Não terminei a 100% porque já explorei bastante, mas quero voltar mais tarde para fazer platinum. Não gostei tanto como da primeira vez, acho que a história afinal não é assim tão boa, mas o Yuri é um optimo protagonista no meio de tudo aquilo. A jogabilidade é a da época, é boa mas os Tales of mais recentes são melhores. Still a good game, com personagens unicas.
     
  9. Jonnybravo 1-Up Mushroom
    aa

    Jonnybravo
    Mensagens:
    2.279
    NN ID:
    Jonnybravo5
    Mais dois terminados, Lego City e Phoenix Wright. O primeiro terminei apenas a história e pouco mais fiz para além disso. Deve ser a coisa mais próxima de GTA que existe na Wii U, mas aqueles loadings são um inferno. Vale pelo detalhe e quantidade de conteúdo que conseguiram colocar no mundo, a história é razoável e o humor também é engraçado. Acaba por melhorar um pouco da segunda metade da história para a frente, uma vez que temos acesso a novas habilidades e à possibilidade de conduzir mais tipos de veículos. No meio de tudo isto, falta-lhe limar umas quantas arestas em termos de apresentação e jogabilidade.

    O Phoenix Wright decidi voltar a jogar na Switch e continua bom como sempre. Ainda me lembrava de muita coisa deste primeiro jogo, mas creio que nos próximos não será assim tão linear. Com isto, terminando mais um jogo faço os 13 que pretendia para depois me dedicar ao Red Dead.
     
  10. G.E.R.M.A.N. Mega Mushroom
    aa

    G.E.R.M.A.N.
    Mensagens:
    11.028
    Switch FC:
    3057-7639-9495
    Quase 2/3 do ano já passaram e a lista está muito pouco completa, está mau isto :(

     
  11. Zetsu Spring Mushroom
    aa

    Zetsu
    Mensagens:
    9.454
    Feito. Fiz imensos drops, por isso não admira.
    Foi uma boa redução, mas ainda assim ainda tenho umas tretas na prateleira que nunca toquei.

    Agora vou indo e despachando, sem pressa, mas espero já ter tudo revisto e o numero bem reduzido no final do ano.
     
  12. Jonnybravo 1-Up Mushroom
    aa

    Jonnybravo
    Mensagens:
    2.279
    NN ID:
    Jonnybravo5
    Entretanto mais dois jogos terminados. O primeiro zelda foi uma pequena surpresa, porque consegui perceber porque é que foi um marco na altura em que saiu. Tem algo que faz querer continuar a jogar e perceber o mundo que nos é apresentado.

    Quanto ao SotC, pensei que iria gostar mais. Achei que lhe faltava polimento em várias partes, sobretudo na camera que é demasiado cinemática e teima em não ir para onde lhe mandamos. Outro problema é o Wander, cujos controlos por vezes são frustrantes. Isto impediu-me de saborear o jogo de outra forma e tive pena disso. Também não achei a história tão espetacular quanto o pessoal faz parecer. Posto isto, gostava de experimentar o original para saber se os mesmos problemas acontecem.
     
    neveda likes this.
  13. Zetsu Spring Mushroom
    aa

    Zetsu
    Mensagens:
    9.454
    É a camara é chata e os controlos um bocado batata. Mas olha que o original não deve ser melhor.
     
    Jonnybravo likes this.
  14. BAlvez 1-Up Mushroom
    aa

    BAlvez
    Mensagens:
    1.452
    Vim aqui atualizar o meu post da vergonha e reparei que da última vez que fiz um "briefing" da minha situação do backlog, eu cobri aquilo que eu fiz só até ao final de Abril. E como estamos no final de Setembro e na recta final, está mais que na hora de dar um update da situação.

    Antes demais tenho a dizer que eu tinha na minha lista de Backlog para este ano o Mass Effect: Andromeda, mas removi-o.
    Eu tentei jogá-lo na passada semana e ainda perdi uma hora e meia a jogá-lo, talvez mais, e apesar do início estar interessante, reparei que eu próprio não estava no mood certo para pegar nele agora. Culpo a Nintendo Switch que comprei em Julho, com tanto bom jogo novo a chegar à consola, o meu foco começou a ser outro. Por isso, decidi adiar esse jogo para 2020, também porque para jogos grandes já tenho o Xenoblade Chronicles 2 que está desde Agosto em pausa para que eu pudesse jogar as novidades e dedicar-me mais ao Backlog (60-70 horas nisto, e ainda estou a meio do jogo).

    Mas desde Abril, risquei a maior parte da minha lista! Voltei a dar amor à minha Wii U ao pegar no Mario Galaxy 2 e no Bayonetta 2 (sequelas que estava à muito para jogar e são realmente excelentes) e arrumei com a maior parte dos meus jogos no PC. Na PS4 ainda só terminei o Until Dawn que, apesar de não ser um jogo excelente, entretém bastante e fiquei bastante surpreendido por ter ficado agarrado ao jogo (comecei e terminei em dois dias). Mas tenho de dar mais atenção à PS4 (raios partam a Nintendo Switch!).

    Mas com isto, já "só" me faltam estes jogos:

    PlayStation 4
    - God of War
    - Shadow of the Colossus

    PC Steam
    - BioShock 2 Remastered
    - BioShock Infinite
    - Final Fantasy X
    - Okami HD
    - Tomb Raider (2013)

    O Bioshock 2 já terminei, mas ainda me falta a DLC "Minerva's Den". Depois dele devo de pegar no Tomb Raider, e quando eu terminar o Link's Awakening na Nintendo Switch ou irei ao Shadow of the Colossus, ou vou ver se o amigo com quem tenho a tradição de jogar um Final Fantasy por ano quer pegar já no FFX.
     
    Celebi and lobito180 like this.
  15. lobito180 Normal Mushroom
    aa

    lobito180
    Mensagens:
    592
    Acabei agora um jogo que comprei ainda na semana passada, o Katamari Damacy Reroll. Foi bom para jogar algo suave e sem componentes RPG para descansar a cabeça. Conto agora pegar a sério no Final Fantasy IX, sendo que o primeiro CD já está acabado. Dito isto, o Octopath Traveller deverá passar para o próximo ano, isto porque entretanto vai sair o Pokémon Sword e esse vai ter prioridade sobre tudo o resto...
    Se conseguir o feito de acabar o FF e o Pokémon considero este um dos meus melhores anos em termos de acabar jogos.
     
    Celebi and BAlvez like this.

Partilhar esta Página

  1. Este site usa cookies. Ao continuar a usar este site está a concordar com o nosso uso de cookies.
    Remover anúncio